São Martinho do Porto

Muitas são as histórias à borda da água em São Martinho do Porto São Martinho do Porto é uma vila pertencente ao concelho de Alcobaça. É conhecida pela sua baía dotada de uma beleza singular, e por ser um destino de férias de excelência. Apesar de estarmos no oeste português, o fluxo turístico aumenta drasticamente […]
São Martinho do Porto, baía, Goalcobaca, o teu Guia Turístico Local
São Martinho do Porto, baía, Goalcobaca, o teu Guia Turístico Local

Muitas são as histórias à borda da água em São Martinho do Porto

São Martinho do Porto é uma vila pertencente ao concelho de Alcobaça. É conhecida pela sua baía dotada de uma beleza singular, e por ser um destino de férias de excelência.

Apesar de estarmos no oeste português, o fluxo turístico aumenta drasticamente nos meses de Julho e Agosto, fazendo desta baía o recreio de muitas famílias portuguesas e estrangeiras.

A história de São Martinho

A história diz-nos que o primeiro foral foi concedido em 1257 pelo frei Estevão Martins, 12º abade do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça.

Por essa altura, São Martinho do Porto seria um porto de pesca e de construção naval. A sua importância foi tal que até aos meados do século XIX foi sede de concelho.

São Martinho do Porto, Goalcobaca, o teu Guia Turístico Local
São Martinho do Porto, Goalcobaca, o teu Guia Turístico Local

Hoje em dia são 3 mil pessoas que vivem na freguesia. Virada para o turismo, esta  charmosa baía dispôe de águas tranquilas, areias finas e brancas, e uma frente para o mar que oferece restaurantes, cafés, gelatarias, e muito mais.

Os restaurantes à beira mar oferecem o melhor da região: peixe e marisco fresco, com a proximidade da vila da Nazaré não poderia ser diferente. Entre os grelhados, procura a sardinha, ou com a vinda do mês de Setembro, o Festival da Sapateira. Mas dado que São Martinho do Porto é já um destino turístico internacional, os restaurantes acompanham a tendência e é normal haver oferta de pratos tradicionais como a pizza…

Após  passagem pela famosa plataforma de reservas hoteleiras Booking.com verificamos que não é difícil arranjar onde ficar, seja na primeira linha de praia ou para o interior da vila. Entre hotéis, alojamento local ou casas de Turismo em Espaço Rural a oferta é consistente e vale a experiência!

São Martinho do Porto, Casa da Cultura, Goalcobaca, o teu Guia Turístico Local
São Martinho do Porto, Casa da Cultura, Goalcobaca, o teu Guia Turístico Local

Depois de acauteladas a estadia e refeição, cabe parar para planear todos aqueles momentos que iremos viver fora das tranquilas águas da baía ou do areal…

O que fazer em São Martinho do Porto?

#1 – Baía de São Martinho

Começa a tua caminhada junto ao porto da vila que te permite ver as águas calmas e os barcos parados repletos de cor a balançar ao sabor do vento do oeste. Depois continua pela calçada, passando por todos os restaurantes, pastelarias, lojas e quem sabe, se for um domingo pelas bancas da feira das velharias.

Com o fôlego recuperado, passarás pelas máquinas de fitness e pelo parque de campismo. A caminhada deverá acabar nos passadiços que ligam os concelhos de Caldas da Rainha e Alcobaça.

#2 – Farol

Entre uma pequena caminhada e a melhor vista sobre a baía de São Martinho do Porto, a distância é curta e vale mesmo a pena. Não pelo farol em si, mas sim pelas fotografias e selfies que podes tirar.

#3 – Igreja Matriz de São Martinho do Porto

Se estás à procura de património edifícado, a igreja matriz situa-se na parte alta da vila, e reza a história que foi edificada no séc. XVIII. Aqui fica o que podes ver: a igreja apresenta num plano longitudinal de uma única nave retangular. A fachada apresenta-se simples com o portal em arco perfeito, encimado por uma janela quadrilobada. É finalizada com uma parede curvilínea e a torre sineira. Para veres o resultado, terás de dar mais uns passos até ao loval.

Quanto ao interior, o elemento mais relevante é a pintura a óleo com a imagem do milagre de São Martinho.

#4 – Passadiços

Os passadiços são uma estrutura em madeira que ligam os concelhos de Caldas da Rainha e Alcobaça e que fazem um zig zag entre a duna de Salir do Porto e a baía da vila. Esta estrutura é óptima para passeios ou para fazer exercício.

Aconselhamos a fazer os passadiços de manhã antes do calor atacar, ou ao final da tarde para poder admirar o pôr do sol.

#5 – Duna 

A duna de Salir do Porto (os locais chamam-lhe Aréola) fica num dos extremos da baía de São Martinho do Porto, mas faz parte do concelho vizinho das Caldas da Rainha. Nada que não se faça com uma pequena caminhada.

Diz que esta já foi considerada a maior duna da Europa, sendo que não encontramos registos deste relato vamos acreditar nessa história que nos contaram.

Aqui podes subir a duna, e após teres subido os 50 metros de altura irás ter uma visão completamente diferente da vila. Aproveita para desceres a duna a rebolar, a correr ou… como achares melhor!

#6 – Pocinha

Se tens planos para conhecer a duna de Salir do Porto, então aproveita e anda um pouco mais para dentro em direcção à entrada da água do Atlântico para dentro da baía. As águas de Salir vêm desde tempos antigos, e são resultado de evoluções Geológicas.

Hoje em dia a Pocinha e a Alfândega estão em ruínas, mas não deixa de ser um passeio divertido de se realizar, assim como umas fotografias para mais tarde recordar.

São Martinho do Porto, elevador panorâmico,Goalcobaca, o teu Guia Turístico Local
São Martinho do Porto, elevador panorâmico,Goalcobaca, o teu Guia Turístico Local

 

 

Tudo sobre Alcobaça

Segue-nos